Ir para o conteúdo principal

Confrontos entre cristãos e muçulmanos na Nigéria deixa 55 mortos

Pelo menos 55 pessoas foram mortas nesta semana em confrontos entre jovens cristãos e muçulmanos no norte da Nigéria após uma disputa em um mercado, informou a AFP , citando o presidente do país, Muhammadu Buhari.

Fontes da agência apontam que o conflito eclodiu entre jovens muçulmanos do grupo étnico hausa e cristãos do grupo Adara no mercado da cidade de Kasuwan Magani depois de uma disputa entre funcionários.

O presidente expressou preocupação com o fato de que os nigerianos freqüentemente recorreram à violência por causa de mal-entendidos que poderiam ser resolvidos pacificamente. O comissário de polícia do estado de Kaduna, Ahmad Abdur-Rahman, anunciou na sexta-feira que 22 pessoas foram presas em conexão com a violência. O governo do estado impôs um toque de recolher de 24 horas em Kasuwan Magani no mesmo dia .

Uma crise semelhante em fevereiro deixou pelo menos 10 pessoas mortas e centenas de casas e empresas queimadas. Mais de 60 pessoas são indiciadas pela violência decorrente desse incidente.
Tópicos:  

Veja Também

 
Vídeo

Brasil

Brasil

Mundo

Mundo

Política

Política

Devocional

Devocional
Gospel Times

Seguir